Solidariedade
que gera valor

ORIGEM DOS RECURSOS

 

Infra-estrutura

A estrutura física da Casa de Acolhida Regina Lúcia Fonseca de Gomes fica situada em um imóvel de propriedade da Mitra Diocesana de Valença / Paróquia de Nossa Senhora da Glória.

Neste prédio foi inicialmente construído em 2001 um espaço para atendimento à população de rua com banheiros, chuveiros, lavanderia e rouparia.

Em 2011, a Associação Balbina Fonseca concluiu a construção das novas dependências Casa de Acolhida:

  • secretaria, onde é realizado o cadastro dos assistidos;

  • salão destinado à alimentação, servindo também de espaço para celebrações e desenvolvimento espiritual, cultural, e psíquico;

  • depósito para o armazenamento de cobertores e materiais diversos;

  • três banheiros;

  • área de serviço

  • cozinha com despensa;

  • consultório médico

  • barbearia;

  • almoxarifado

 

Toda a reforma foi estudada minuciosamente para melhor atender aos objetivos do Projeto Amigos da Rua e preservar as características do conjunto arquitetônico segundo as exigências do INEPAC (Instituto Estadual de Patrimônio Cultural).

FACHADA DA SEDE
FACHADA DA SEDE

FACHADA LATERAL
FACHADA LATERAL

ROUPARIA
ROUPARIA

FACHADA DA SEDE
FACHADA DA SEDE

1/12

Recursos materiais

  • Doações periódicas realizadas pelos nossos parceiros e pela comunidade local:
    -   pães
    -   embutidos
    -   verduras e legumes
    -   carne
    -   alimentos não perecíveis
    -   roupas, calçados e cobertores
    -   remédios
    -   produtos de higiene e limpeza
     

  • Auxílios diversos oferecidos pela Associação Balbina Fonseca (alimentação, vestuário, consertos diversos, assistência jurídica, maquinário, etc.)

Recursos financeiros:

  • Bazar beneficente mantido pelo Projeto Amigos da Rua

  • Convênio com a Prefeitura Municipal de Valença

  • Contribuições livres através de carnês

  • Doações

  • Eventos beneficentes

 

Júlio Souza Nunes

REINTEGRADO E CATADOR DE MATERIAL RECICLÁVEL

O projeto de reciclagem me deu a minha independência financeira. Tenho os dias certinhos de ir nas casas pegar o papelão e as famílias guardam pra mim, porque fiquei conhecido.

 
RESULTADOS

O acolhimento, o cuidado com a vida e a valorização pessoal vivenciados por voluntários e funcionários no dia-a-dia do trabalho pastoral permitiram aos assistidos o contato com novos valores e conceitos, promovendo uma profunda mudança interior que os leva a vencer a situação de exclusão.